A lição do Bambu...


 
Depois de plantada a semente deste incrível arbusto, não se vê nada, Durante 5 anos, todo o crescimento é subterrâneo, invisível a olho nu, Mas, uma maciça e fibrosa estrutura de raiz, que se estende vertical e horizontalmente pela terra está sendo construída.

Um escritor americano escreveu:

"Muitas coisas na vida pessoal e profissional são iguais ao bambu chinês":

Você trabalha, investe tempo, esforço, faz tudo o que pode para nutrir seu crescimento,e, às vezes não vê nada por semanas, meses, ou anos.

Mas, se tiver paciência para continuar trabalhando, persistindo e nutrindo, o seu "5º ano" chegará e, com ele, virão um crescimento e mudanças que você jamais esperava...

O bambu chinês nos ensina que não devemos facilmente desistir de nossos projetos,de nossos sonhos... especialmente no nosso trabalho, (que é sempre um grande projeto em nossas vidas)

É que devemos lembrar do bambu chinês, para não desistirmos facilmente diante das dificuldades que surgirão.

Tenha sempre dois hábitos:

Persistência e Paciência... É preciso muita fibra para chegar às alturas e, ao mesmo tempo, muita flexibilidade para se curvar ao chão.

4 comentários:

Paully Santos disse...

Óla D.Rose!
Acredito que esse é um dos maiores problemas daqueles que tem buscado as bençãos de Deus. A grande maioria planta hoje e quer ver os frutos amanhã; seria muito bom se fosse assim, mas por outro lado será que dariamos valor as conquistas uma vez que vieram de uma forma tão facil. Carrego comigo o que um grande homem de Deus sempre mim disse: Quanto maior o nosso sonho maior será as dificuldades enfrentadas para a realização do mesmo, maior será a quantidade de semente a ser plantada e maior será o tempo de colheita.

Bjos: Paully Santos

Anônimo disse...

Oi D. Rose
Sou muito grata a Deus por muitas coisas, uma em especial foi lhe conheçer, pois Graças a Deus, suas dicas, suas mensagens só tem nos feito crescer, essa lição do bambú, me ajudou...e como ajudou!
A senhora é muito usada por Deus! Que Deus lhe conserve assim, e que seje cada vez mais um instrumento nas mãos dEle!
Um abraço
Com carinho!
Débora Piriá.

Nupa disse...

Que possamos crescer espiritualmente a cada dia e ser como o bambu: almejando o alto, mas com humildade para nos curvarmos diante de Deus!
Bom fim-de-semana!

Rose disse...

Queridas:
Muito obrigada pelos comentários tão carinhosos! Amo lê-los!